Teorias do Poker

Textos selecionados e traduzidos para português para lhe ajudar a jogar seu A+.

  • CÓDIGO DE BONUS PT200 PARA BÔNUS DE 100% ATÉ $200

    OBS: Limpar os cookies antes de fazer o download $200 de Bônus no Everest Poker

#09 – Construindo Uma Tabela de Mãos Iniciais – Cutoff Standards

Posted by Especulador em dezembro 18, 2007

Building a No-Limit Hold’em Starting Hand Chart – Cuttoff Standards

Escrito por Ed Miller, traduzido por Especulador

Se você ainda não leu, leia as quatro primeiras partes da série:

Early Position Standards
Playing In Early Position
Middle Position Standards
Playing in Middle Position

O cutoff é como o button. Com a exceção de que não é o button. Há um jogador entre você e o button. Dependendo de como eles jogam, o caráter do cutoff pode mudar bastante. Se o button é tight, então você pode jogar o cutoff mais ou menos como o button (loose e aggressive). Algumas vezes você será pego com as calças baixas se o button pegar uma boa mão. Se ele for realmente tight, você provavelmente compensará esses resultados ruins pegando uma segunda mão no Button por rodada a cada vez. Tipicamente você está jogando duas mãos de blinds para ter a oportunidade de jogar uma vez no Button. Se você jogar duas vezes no Button, é espetacular!

A maioria dos buttons não são tight. Ou, pelo menos, irão interferir freqüentemente em seus planos de levar os blinds. Então escreverei o resto do artigo assumindo que o jogador no button é razoavelmente provável que entre no pote, mas não é garantido que o faça.

Se Você Está Abrindo O Pote

O cutoff é uma posição flexível. Quanto melhor controle que você tiver sobre seus oponentes, e maior seu edge de leitura de mãos deles, mais looser você pode jogar. Potencialmente, se foldou até você, o button não está tão aflito, os blinds são ruins, você poderá jogar uma tonelada de mão, talvez 50% ou mais. Para esta série, entretanto, serei conservador. Mas entenda que há muita margem quando chegamos ao cutoff e ao button.

Mesmo conservadoramente, você pode abrir com muitas mãos. Qualquer pocket pair, quaisquer duas cartas ambas maiores que T ou mais alta (ex, QsTh), quaisquer aces suited, decentes aces offsuit (até mesmo A8 ou coisa assim), suited connectors baixo tipo 54s ou 86s ou Q9s ou K9s (esses limites de mãos são um pouco arbitrárias), e talvez alguns offsuit connectors baixos tipo 98o ou coisa assim. Este é um decente range padrão de abertura. Novamente, você pode jogar muito loose sob ótimas condições, e você pode ficar mais tight sob condições adversas.

Novamente, o range seria:
22+, A2s+, K9s+, Q9s+, 54s+, 86s+, A8o+, KTo+, QTo+, 98o+

Se Você Está Jogando Depois de Um ou Mais Limpers

Eu não alteraria muito o range acima devido aos limpers. Em geral, quanto mais multiway for o pote, maior valor tem os suited, e mais fracas mãos offsuit high cards como KTo se tornam. Então se há quatro ou cinco limpers até você no cutoff, você pode adicionar algumas extras mãos suited e talvez evitar fracos aces offsuit se você estiver preocupado sobre como você irá jogá-los depois do flop. Em médio e deep stack no-limit, se você está jogando com posição e somente pelo preço do big blind, você tem tremenda flexibilidade. Mesmo se você der limp com um mão totalmente lixo como 9h2s, seu “erro” somente custará uma fração do big blind. Se você jogar, no todo, melhor que seus oponentes no pós-flop, você pode descobrir que facilmente compensará esse “erro” pilhando os erros muito maiores de seus oponentes no pós-flop.

Isso não é um argumento para jogar 92o. Mas isso é um importante princípio de no-limit: Se você está fora de posição ou jogando contra um raise, o valor da mão importa. Se você está em posição e chegou em limp ou fold até você, você pode sair jogando com algumas mãos lixos.

Então, para simplificar, irei apenas manter o range após limpers como o mesmo do range para abrir o pote:

22+, A2s+, K9s+, Q9s+, 54s+, 86s+, A8o+, KTo+, QTo+, 98o+

No próximo capítulo da série, você verá a diferença entre essas duas situações: Abrindo o pote eu quase sempre farei um raise, mas depois de limpers irei de raise apenas algumas vezes.

Se Você Está Jogando Contra um Raise

Sempre que alguém fez um raise, você deve jogar mais tight. A aposta pré-flop agora é um percentual muito grande do stack, e alguém representou força.

Se você é o único jogador no pote além do raiser, o Button afetará bastante seu jogo. Se o Button é ruim e/ou tight, então você pode dar o call com algumas mãos marginais. Se o Button é loose, agressivo, e além de tudo um chato, então você deve evitar marginal hands e fazer reraise mais freqüentemente para expulsá-lo.

Da mesma forma, quanto mais loose o raiser, mais você tenderá a fazer reraise.

Estou me adiantando um pouco, as decisões de fazer um raise ou um call serão tratadas no próximo capítulo. Então, falemos sobre padrões. Apenas o raiser está no pote agora. Com um raiser tight e normal, um button não tão assustador, jogarei qualquer par, AK, e AQ, AJs, e KQs. Se o raiser for loose e um jogador um pouco fraco (como eu procuro comumente ser o caso), eu incluirei bastantes mãos: primeiramente AJo, KQo, aces suited e suited connectors. Eu ainda evitarei fracas mãos offsuit high cards com KTo ou A7o. Se o Button é alguém com quem deva me preocupar, eu evitarei pagar com marginal hands (mas algumas vezes irei dar um reraise).

Por que jogar suited connectors mas evitar fracas mãos high cards? Equidade de roubo. Quando você está jogando em posição contra um raiser loose, você está contando com equidade de roubo para compensar muito valor da sua mão. Você não está geralmente procurando fazer uma mão; você está procurando punir seus oponentes por construírem um pote fora de posição sem valor suficiente. Suited connectors trabalham bem para stealing já que elas propiciam muitas oportunidades de semi-blefes.

Se há muitos limpers antes do raise e/ou se o raise é maior que o “típico”, fique um pouco mais tight. Se você fizer o call, corre o risco de ser limp-reraised. Você também corre o risco de jogar em um raised pote com quatro ou cinco com uma mão fraca e sem muita equidade de roubo (steal equity).

Se há um raiser e vários callers, você pode cogitar fazer um squeeze.

Então contra um raise, meu range variará consideravelmente. Algumas vezes jogarei tight como:
22+, AK, AQ, AJs, KQs

E algumas vezes serei mais loose para algo como:
22+, AJ+, KQ, A2s+, KTs+, QTs+, 54s+, J9s+

Isso depende do raiser, do button, e de outras circunstâncias.

Se você Está Jogando Contra um Raise e um Reraise

Totalmente tight! Contra a maioria dos reraisers, está não é uma situação para fazer burrices. Mesmo a maioria dos pocket pairs não são bons aqui já que o preço é muito alto para ver o flop (comparado para o que você espera ganhar se bater seu set). O raiser original também é uma ameaça de colocá-lo em all in.

AA e KK são as únicas mãos que eu jogo confiantemente contra um raise e um reraise. Se o reraiser for um pouco light, jogarei também AK e QQ, e talvez algumas poucas outras mãos. Mas geralmente dois raises na sua frente devem ser um sinal para ficar de fora.

O cutoff talvez seja a posição pré-flop mais complexa. É late o suficiente para você ter muita flexibilidade. Mas você sempre tem que pensar sobre o que o Button pode fazer. O post de hoje foi demais para digerir (e isso é apenas um breve sumário do jogo no cuttoff). Quando duvidar, fique um pouco mais tight. Eu sempre sugiro que você comece jogando tight e acrescente mais mãos conforme vai ganhando confiança.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: