Teorias do Poker

Textos selecionados e traduzidos para português para lhe ajudar a jogar seu A+.

  • CÓDIGO DE BONUS PT200 PARA BÔNUS DE 100% ATÉ $200

    OBS: Limpar os cookies antes de fazer o download $200 de Bônus no Everest Poker

#24 – Antologia 2+2 – Rápidas questões matemáticas (tentando entender poker um pouco melhor)

Posted by Danilo Telles em fevereiro 23, 2008

A quick maths question (trying to understand poker a bit better)

Traduzido por Especulador


Isso é algo que Paul Thompson me perguntou no AIM, mas devido à pouco tempo e eu (censurado) matemática, nós nunca realmente chegamos a resposta. Estou bastante certo de que tenho a resposta agora, porém, queremos ter certeza e também ver o que podemos inferir dela.

A questão era, basicamente, estabelecer onde fazemos dinheiro no poker. Fazemos mais dinheiro com nosso adversário cometendo um erro (Leia: uma decisão -EV) ou colocando todo o dinheiro em uma mão decentemente favorita.

Estou certo que isso pode não ser tão interessante para alguns, mas Paul e eu nos interessávamos em conhecer a matemática ao redor do jogo.

Aqui está a situação que ele me deu: você tem 500 no seu stack, temos 200 no pote (estamos no flop), o vilão aposta 100 e você vai de all-in com mais 400. Você tem um overpair e ele tem um FD (N.T: flush draw) e é uma situação 2:1. Então ele pode fazer o call aqui pois não é uma decisão –EV.

Digamos que você possa ver que ele tem um FD e você também sabe que ele pode pagar um bet (com pot odds –EV) no turn mesmo se não bater, mas não um PSB+

Você obviamente não pagará se bater para ele, já que sabe o que ele tem.

Então minha questão é: é melhor ir de all-in no flop, ou esperar o turn? Qual o valor que ele tem que pagar no turn para que um push no flop e um call no flop e bet no turn tenha o mesmo EV? E finalmente, o que é mais importante: “o oponente fazer uma jogada –EV” versus “ganhar uma grande quantia como favorito”?

Obrigado
dan

Questão interessante, e eu acho que ambas afirmações são muito relacionadas. Um erro meu geralmente resultará em uma situação –EV. Geralmente quando você leva o dinheiro você forçou um erro, mas é um erro no sentido FTOP. Oponentes irão (devem) fazer calls contra seu range, então estarão corretos mesmo que você esteja à frente em uma situação particular.

O que eu penso sobre isso: Pense na fraqueza de seus oponentes e tente induzi-los a cometer a maior quantidade de erros possível. É mais fácil classificar os erros em vez de passar por cálculos de EV toda vez (claro que é por fazer esses cálculos que ganhamos um senso intuitivo de quando uma jogada é EV+)

Exemplos de classes de erros:

Erros pequenos:

-Fazer loose calls pré-flops em posição com mãos especulativas e jogar decent/tight pós-flop
-Fazer folds tights com um par contra oponentes razoáveis.
-Na maioria das vezes quando você folda o river (raramente é um grande erro foldar o river

em NL contra uma agressão pesada, particularmente de grandes apostas quando você tem menos
que uma grande mão contra o range de seu oponente)
-Pagar flops sem odds (com implied odds marginais) com mãos com draw. Logicamente é um erro
menor quando você tem posição.
-Atacar muitos potes sem raise ou com pequenos raises.

Erros medianos:

-Pagar muito pré-flop fora de posição e jogar “bate ou larga” no flop.
-Pagar raises pré-flop com muitas mãos especulativas ou dominadas.
-Dar muita ação a jogadores tight com um par.
-Blefar (antes do river) muito contra jogadores loose. Note que blefar no river contra esses

jogadores não é ruim já que eles freqüentemente estão em draws perdidos ou pares
extremamentes fracos que não podem dar call em bets grandes.

Erros grandes:

-Arriscar grande % do seu stack no pré-flop com mãos dominadas (AJ, 99, etc). Claro que a
dominação é relativa ao range estimado do seu oponente.
-Fazer grandes blefes contra sinais de força.
-Geralmente, a qualquer momento que você pagar grandes apostas com mãos marginais é provável
que seja um grande erro.

Perceba que em NL, muitas vezes é um erro maior fazer um call que um fold ou blefe. Um blefe é normalmente melhor se você tiver outs (semiblefe).

Em relação à sua questão, ela parecer ser um problema matemático básico. Basta descobrir os dois EVs e decidir. Mas nós temos apenas 15 segundos para fazer a decisão, então eu acho que é bom pensar sobre estabelecer modelos que podem representar um amplo leque de situações.

Você não precisar pensar sobre o que significa dizer (2+2=4) ou que o derivativo de x é 1. Isso porque abstraímos essas idéias e por isso podemos trabalhá-las no cérebro e falar facilmente sobre elas.

Anúncios

Uma resposta to “#24 – Antologia 2+2 – Rápidas questões matemáticas (tentando entender poker um pouco melhor)”

  1. harey said

    quero saber

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: